E aí tchê
Em missão pela vida
FacebookTwitterInstagramYouTube

Quaresma – Atitudes I: Jejum!

Publicada em 07/03/2018

  • Quaresma – Atitudes I: Jejum!

    Fonte: Pixabay

Neste tempo de Quaresma a Igreja nos propõe três atitudes fundamentais para que nos preparemos bem para fazer esse caminho até a Páscoa. Essas três atitudes são: jejum, caridade e oração.

Iniciemos pelo Jejum. Ele é um pedido feito pela Igreja para que os adultos renunciem a uma das refeições importantes do dia em sinal de disponibilidade e solidariedade. O jejum faz a relação eu comigo mesmo. Eu que me conheço ou procuro conhecer-me e deixo algo que me é importante. Pode ser uma refeição ou não. Pode ser um vício ou um costume.

Essa renúncia é feita em vista de se ter mais disponibilidade à escuta da Palavra de Deus, demonstrando dar maior valor à sua Palavra que ao bem-estar imediato, sinal de conversão do coração.

O jejum que é pedido ao longo da Quaresma, com outras iniciativas pessoais de desapego, renúncia às comodidades e satisfações mesmo legítimas, para maior liberdade interior. Assim, o jejum feito com interioridade e não por mero formalismo, se torna sinal da fé e caminho de salvação para todo o nosso ser.

O jejum nos ajuda a trilharmos o caminho de Jesus nesses quarenta dias. Quarenta que aqui representa uma nova geração. O velho ser humano que iniciou a Quaresma será transformado pelo ser humano novo que é convidado a ressuscitar com Cristo na Páscoa. Esse caminho, porém é árduo e de sacrifício, por isso é tão importante renunciarmos a algo que nos faz tão bem em vistas de nos prepararmos melhor para a Ressurreição!

 Para reflexão:

- O que eu preciso jejuar para melhor me preparar para a Páscoa?

- Tenho coragem de fazer esse sacrifício?

Fonte: Pe. Rudinei Zorzo

E aí tchê

Subsídios

© 2017 - E aí tchê Site produzido pela Netface