E aí tchê
Em missão pela vida
FacebookTwitterInstagramYouTube

Afetividade e Sexualidade: uma das catequeses da JAJPOA2015

Publicada em 31/03/2015

  • Afetividade e Sexualidade: uma das catequeses da JAJPOA2015

Por que viver a castidade? Como viver a minha sexualidade? Como posso amar de forma saudável? O que é o amor? Estas e tantas outras perguntas pairam na cabeça de muitos jovens, e por isso, muitos deles foram até a Paróquia Sagrada Família para participar da catequese “Afetividade e Sexualidade”, na Jornada Arquidiocesana da Juventude, neste último sábado, dia 28 de março.

A banda Deluthi foi a responsável pela música, e as dúvidas e conselhos foram dados pelo Padre Lucas, do Seminário de Gravataí e o Padre Ignacio, do Movimento Regnum Christi. Além da psicopedagoga, Patricia Teixeira, das Equipes de Nossa Senhora,  da psicóloga Rafaela Frizzo, do CLJ e da estudante de Medicina, Cassia Feijó, da Sociedade dos Gelfos.

Além de seus testemunhos, os palestrantes convidaram os jovens para refletir sobre onde Deus estava em seus relacionamentos, suas amizades e sua família. Patricia levantou a questão da importância de relacionamento à três, onde o casal permite que Deus esteja sempre acompanhando esta união.  Padre Lucas, respondeu sobre as curiosidades dos jovens em relação ao celibato e a importância da oração no seguimento dos caminhos de Deus. O que gerou a concordância de todos os participantes.

A intimidade com Deus fortalece a relação do casal e gera o amadurecimento pessoal, segundo Rafaela, é necessário o autoconhecimento antes de se entregar ao outro. 

E aí tchê

Subsídios

© 2017 - E aí tchê Site produzido pela Netface